Startup caruaruense participa do Porto Musical 2018
Startup caruaruense participa do Porto Musical 2018

Hoje (1º), a startup Musicle, incubada no Armazém da Criatividade de Caruaru, participa do Porto Musical 2018, evento voltado ao mercado profissional de música que reúne a cadeia produtiva de música do País. Durante a programação do evento, os empreendedores caruaruenses apresentarão um painel sobre os desafios que o mercado da música vem enfrentando e como os shows caseiros podem aproximar o público dos artistas. O Porto Musical começa na quinta e segue até sábado (3) no Teatro Apolo-Hermilo Borba Filho.

A proposta da Musicle é fazer um bate-papo sobre essa modalidade de espetáculo, que conta com apresentações menores, tanto em formato quanto em público, e que prioriza a experiência ao invés de grandes números. Com conhecimento na área, a startup desenvolveu uma plataforma online que cria conexões e oportunidades de networking entre seus usuários, empregando conceitos de economia compartilhada. Ligando três personagens com interesses em comum: o anfitrião, pessoa que abrirá as portas de sua casa para receber amigos e vivenciar um show exclusivo e intimista de um artista autoral; o próprio artista; e o fã, englobando o conceito de economia compartilhada e inserindo de vez o público na negociação.

Mas como funciona? O anfitrião escolhe o local onde irá realizar a apresentação. Esse local pode ser a sala, a varanda, a garagem, o quintal de sua casa ou de algum amigo, um local que comporte dez ou mais pessoas. Com o ambiente escolhido, o usuário preenche uma série de informações, como endereço, quantidade de pessoas e dentre as opções define o artista ideal para o seu show. Automaticamente, baseado nas informações colhidas entre anfitrião e artista, é dado o valor final dos ingressos individuais para ser revendido e rateado entre os amigos e convidados do anfitrião. A partir de então, basta garantir que o número mínimo de ingressos estabelecidos pelo artista seja vendido antecipadamente para confirmar a apresentação. Caso contrário, o show não acontece e todos recebem o dinheiro de volta.

A Musicle é uma das nove startups a participar do segundo ciclo de incubação do Armazém da Criatividade de Caruaru, braço do Porto Digital que interioriza as ações do parque tecnológico e de empreendedorismo no agreste pernambucano. Além disso, é realizadora do Primavera Folk Festival, evento independente que acontece em Caruaru desde 2016 e está preparando a sua terceira edição para novembro de 2018.

SERVIÇO

Conferência sobre Shows Caseiros no Porto Musical

Data: 1º de fevereiro, às 17h30

Local: Teatro Apolo - Hermilo Borba Filho