Debate sobre Humanização do Parto e Violência Obstétrica

Nesta quinta-feira (21), das 10h às 12h, no auditório do curso de Medicina da UFPE (localizado no Polo Caruaru), as secretarias municipais da Mulher e de Direitos Humanos, Saúde e Participação Social e o curso de Medicina da Universidade Federal de Pernambuco realizam um debate sobre Violência Obstétrica.

O objetivo é discutir a importância do parto humanizado, bem como, destacar a autonomia das mulheres, apresentando como foco a defesa e a elevação dos direitos sexuais e reprodutivos da mulher, em relação à maternidade consciente. O evento contará com a participação de debatedoras especialistas no assunto. O debate é aberto ao público.