Náutico é atropelado pelo Central e cai para quarto lugar

Folhape

A temporada 2018 do Náutico tinha começado de forma questionável. O time estava longe de apresentar um futebol confiável. Por outro lado, ainda não havia perdido. Agora, os alvirrubros não têm mais esse argumento para contar a favor. Nesta tarde, o Timbu foi atropelado pelo Central em Caruaru e perdeu por 3x0, com gols de Douglas Carioca, Graxa e Luizão. A equipe de Roberto Fernandes caiu para a quarta posição no Campeonato Pernambucano, com três pontos. 

O início do jogo já indicava que as coisas não seriam nada fáceis. Para o Náutico, claro. Logo com um minuto de bola rolando, Luizão quase marcou sem querer. Era um mau prenúncio. Logo depois, aos três minutos, Júnior Lemos roubou bola no meio-campo e arriscou de longe. Jefferson fez boa defesa. A bola sobrou para Douglas Carioca, que bateu de dentro da área. Nova defesa do goleiro alvirrubro. Mas não teve jeito. No rebote, o mesmo Douglas Carioca balançou as redes e abriu o placar.

Embora estivesse em vantagem, o Central não pisou no freio e seguiu superior. Ao menos até os 30 primeiros minutos, que foi o tempo necessário para o Timbu mostrar que estava vivo. E quando teve a chance de igualar o marcador, parou na boa performance de Murilo. Após escanteio, Tharcysio cabeceou e o goleiro da Patativa mostrou ótimo reflexo para evitar o gol. Já perto do final, Wallace Pernambucano bateu falta próxima ao gol e a bola só não entrou devido à boa defesa de Murilo.

Por conta da reação no final da primeira etapa, parecia que o Náutico entraria no segundo tempo com mais sangue nos olhos. Ledo engano. Antes mesmo que os alvirrubros pudessem mostrar competência ofensiva, o Central tratou de jogar um balde de água fria nas pretensões do Timbu. Júnior Lemos bateu de fora da área, Luizão tentou desviar de cabeça e o movimento enganou Jefferson. O arqueiro acabou não segurando a bola, que sobrou para Graxa, sozinho, fazer 2x0.

A impressão era de que a Patativa pararia por aí. Afinal, tinha uma vantagem confortável e não fazia muito sentido continuar em cima e correr riscos. Contudo, os donos da casa mostraram-se insaciáveis. E encontraram tempo para mais um gol. Aos 34 minutos, Leandro Costa fez Samuel de gato e sapato. Dentro da área alvirrubra, deixou o zagueiro adversário por duas vezes no chão. Depois, mandou para Luizão, seu companheiro de ataque, que só teve trabalho de mandar para o gol e fechar o placar: 3x0.



FICHA TÉCNICA:



3 Central

Murilo; Dudu Gago, Danilo Quipapá, Vitão e Charles; Eduardo Erê, Douglas Carioca, Graxa e Júnior Lemos (Issa) (Lucas Silva); Luizão (Itacaré) e Leandro Costa. Técnico: Mauro Fernandes



0 Náutico

Jefferson; Medina, Rafael Ribeiro, Samuel e Gabriel Araújo; Negretti, Hygor, Wallace Pernambucano e Júnior Timbó (Luiz Henrique); Fernandinho (Tharcysio) (Clebinho) e Daniel Bueno. Técnico: Roberto Fernandes



Local: Lacerdão (Caruaru/PE)

Árbitro: Luiz Cláudio Sobral. Assistentes: Gilberto Freire de Farias e Charles Rosas Pires

Gols: Douglas Carioca, aos três minutos do 1ºT; Graxa, aos quatro, e Luizão, aos 34 minutos do 2ºT

Cartões amarelos: Danilo Quipapá, Eduardo Erê (C); Medina, Wallace Pernambucano (N)

Púbico: 2.147 Renda: R$ 47.435